Carboxiterapia

A carboxiterapia consiste na administração terapêutica do anidro carbônico (também denominado gás carbônico ou CO2) iniciou-se nos anos 30 na França.

O tratamento da carboxiterapia utiliza o anidro-carbônico, um gás atóxico. O método é de fácil execução e dramaticamente melhora a aparência da celulite, através da melhora do micro círculo vascular e do efeito lipolítico. É um tratamento rápido, confortável e efetivo na grande maioria dos pacientes.

A carboxiterapia consiste na administração subcutânea, através de injeção, do CO2 diretamente nas áreas afetadas. Em geral utilizam-se sessões bi-semanais, num total entre 12 e 20; novo ciclo terapêutico é normalmente realizado após 6 a 10 meses

A carboxiterapia é efetiva em diversas patologias da área de atuação do médico: celulite, flacidez cutânea, estrias e como coadjuvante na gordura localizada. As principais indicações são gordura localizada, flacidez, celulite, olheiras, cicatrização de feridas.